Conecte-se com

Notícias

Câmera de UTI filma paciente sendo estuprada por técnico de enfermagem

Publicado

em

A jovem faleceu dias depois do estupro e a Polícia agora investiga se a morte tem relação com o abuso

O circuito de câmeras de um em Goiânia registrou o momento em que, no último dia 17, um técnico de enfermagem estupra uma paciente internada na Unidade de Tratamento Intensivo. Parado ao lado do leito, Ildson Custódio Bastos, de 41 anos, é filmado com uma das mãos por baixo do lençol, tocando as partes íntimas de Susy Nogueira, que havia sido internada após sofrer uma crise convulsiva durante a aula.

Segundo Paula Moetti, delegada responsável pelo caso, o abuso durou cerca de uma hora. No período, a vítima chegou a se debater. A jovem de apenas 21 anos estava entubada e com as mãos amarradas devido a seu quadro de saúde quando tudo ocorreu. Ela faleceu no último dia 26, mas não há confirmação de que a morte esteja relacionada ao abuso.

O estupro foi descoberto quando a própria Suzy contou para uma enfermeira que Ildson havia tocado em seus seios e genitália. Apesar de achar que o relato pudesse ser parte de um delírio, a funcionária levou a denúncia à direção, que solicitou as imagens da câmera de segurança. Ao ser questionado, o técnico não se opôs a verificação das imagens.

“Ele falou com tanta certeza que podia olhar, que levantou a suspeita que talvez possam ter ocorrido outros abusos que não foram registrados”, aponta a delegada.

Vanderson, do BBB19, será intimado a depor, diz Polícia Civil do RJ

Polícia investiga se youtuber Everson Zoio estuprou ex-namorada

“Sou agredida já ao sair na rua” diz Roberta Eloisa

Ildson foi preso nesta quarta-feira (29) após se apresentar a polícia. Segundo seu advogado, Leonardo Silva Araújo, ele é inocente e só não havia ido à polícia antes por temer pela vida. “Começaram a divulgar a foto dele e tinha um áudio em grupos de mensagem pedindo ajuda para achá-lo. Ele, então, se escondeu e decidiu se apresentar hoje até por questão de segurança”, disse. O técnico responderá por estupro de vulnerável.

Para concluir o inquérito, a delegada Moetti ainda ouvirá mais testemunhade saúde dela”, explica.

Por sua vez, o Hospital Goiânia Leste divulgou uma nota em que explica os procedimentos tomados para lidar com o caso. Leia a seguir:

“No dia 17 de maio de 2019, os responsáveis pela do Hospital Goiânia Leste receberam a denúncia de abuso sexual da paciente de 21 anos por meio de uma das técnicas de enfermagem da equipe. No mesmo momento, a direção tomou as primeiras medidas com o objetivo de proteger a paciente e investigar o ocorrido.

O técnico de enfermagem acusado pela paciente foi imediatamente suspenso e afastado da sua função. Um boletim de ocorrência com a denúncia foi registrado pelos responsáveis da UTI na Delegacia da Mulher, no dia 21/05/2019 e o funcionário foi demitido por justa causa nesse mesmo no dia. Posteriormente, também por iniciativa da empresa de UTI, o vídeo que mostra o suposto assédio do ex-funcionário, consistente num possível toque nas partes íntimas da paciente, também foi entregue à delegada responsável pelo caso. Cada um dos 20 leitos geridos pela UTI possui câmera individualizada, que funciona e grava toda a movimentação da UTI, 24 horas por dia. Ao ex-funcionário foi dada a oportunidade de ver as imagens, o que foi recusado por ele.

Além de ter tomado as medidas necessárias sobre a denúncia, coube aos diretores da empresa de UTI comunicar aos pais da paciente sobre o fato e sobre as medidas já tomadas. Esclarece, por fim, que a causa da morte da paciente, em 26/05/2019, não possui qualquer relação com os tristes fatos ocorridos. A empresa está à disposição das autoridades para fornecer qualquer informação adicional que possa ajudar na investigação da denúncia”.

Fonte: Revista Claudia

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Magenta é exibida no Rio Webfest 2019

Publicado

em

Por

No último domingo a websérie “Magenta” foi exibida na sala de cinema do maior festival internacional de webséries do mundo. A trama produzida pela produtora de audiovisual independente, a Linha Produções está indicada em 4 categorias, “Melhor Roteiro de Drama”, “Melhor Elenco de Drama”, “Melhor Trilha Sonora” e “Melhor Série Brasileira”.

A sala de cinema do Rio Webfest transmite diariamente as produções selecionadas no festival. Thaiane Soares, diretora, roteirista e dona da produtora responsável pela trama, e a atriz protagonista Priscila Buiar, que interpreta Manu, estiveram presentes na exibição.

A diretora e roteirista da trama confirma a emoção ao ver o próprio projeto sendo exibido em uma sala de um evento tão importante como o Rio Webfest. “A exibição foi ótima, estar sendo exibida ao lado de muitas webséries maravilhosas é uma honra. Foi muito gosto rever aquele momento, as gravações logo voltam à tona na memória e bate vontade de voltar a gravar”, conta Thaiane.

Magenta é uma websérie de caráter inteiramente independente e produzida por uma equipe técnica de apenas mulheres. Levando temática LGBTQ+ na história e oferecendo uma representatividade e forma de identificação ainda mais direta, a websérie alcançou mais de 1 milhão de visualizações e conta hoje com fãs em território nacional e internal.

Sorrisos. Stories para o instagram. Olhinhos brilhando e uma leve pitada de timidez. Essa foi a reação da Priscila Buiar assim que a série começou a ser exibida. Priscila afirma ter ficado feliz em ter conseguido ir conferir e de ainda poder assistir ao lado de Thaiane. “A exibição foi ótima! É bom ver o trabalho projetado na tela né? É diferente. É como que aquilo realmente se concretizasse”, conta Priscila.

Continue Lendo

Notícias

Empresa Social promove projetos na África do Sul

Publicado

em

Por

A empresa social Ubuntu, no qual teve seu nascimento na África do Sul através de uma viagem voluntariado da autora, cria laços e projetos sociais na África do Sul.

No mês de outubro o embaixador da marca, Felipe Von Borstel esteve na maior favela do mundo em Soweto – África do Sul fazendo trabalhos sociais e representando a Ubuntu.

O propósito da empresa é unir pessoas que queiram tornar o mundo um lugar melhor, e através disso proporcionar experiências para que essas pessoas vivam a essência da marca, a ajuda ao próximo, a doação, o amor.

O embaixador passou por algumas ONGs, onde pode conhecer e viver alguns momentos marcantes com as crianças da África do Sul.

“De volta ao Brasil reflito sobre a experiência inefável que tive na África com aquele povo e aquelas crianças, um mix de sentimentos invadem meu coração, uma mistura de gratidão, otimismo e paz. Tive a oportunidade de vivenciar algo único, o verdadeiro amor puro e singelo na sua essência.
A história de um povo tão sofrido que ainda vivenciam resquícios do passado os quais lhes transformaram em espíritos fortes e gentis, nada pode os abalar e em meio a dificuldade eles encontram a alegria de viver. Nas crianças podemos ver uma pureza genuína, seus olhos falam transmitindo amor e uma energia surreal nos enchendo de sentimentos bons.
Tudo que aquelas crianças precisam é o mesmo que o mundo necessita, Amor. A troca dessa energia sagrada, transforma, cura, alimenta a alma e nos faz seres humanos melhores.” – depoimento do Felipe Von Borstel

Para conhecer mais a respeito da empresa social que vem ganhando espaço no mundo todo com seus projetos, basta segui-los através do Instagram @nossomosubuntu ou acessar o site www.nossomosubuntu.com

Canal no YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCsNNkN0JgfiaqRvpLVkUPyw

Crédito das Fotos: William Villain / Renato Cipriano – Divulgação

Continue Lendo

Notícias

Conheça as diferenças da desinfecção e esterilização em salões de beleza

Publicado

em

Por

Biossegurança em salões de beleza. Saiba quais são as diferenças da desinfecção e esterilização, e a importância do assunto.

Todos nós nos preocupamos com os cabelos, unhas, depilação, dentre outras coisas para cuidar da beleza e do bem-estar. Mas esse pensamento de cuidado deve ir além, já que os profissionais de beleza estão totalmente inseridos no dia a dia da clientela.

Quando falamos em cuidado, estamos pensando em biossegurança. Mas muitas pessoas se perguntam, o que é biossegurança? É o conjunto de ações que são realizadas para a prevenção e minimização de riscos inerentes à saúde do ser humano.

Por isso, o cuidado com a limpeza dos materiais utilizados no salão de beleza é essencial para impedir contaminações e problemas com a saúde do profissional e dos clientes.

A esterilização e a desinfecção são processos básicos na rotina dos centros de beleza, já que a desinfecção elimina boa parte dos microrganismos presentes nos utensílios e o processo de esterilização é normalmente usado como um complemento para eliminar todas as formas de vida que ainda estão nos materiais. O assunto é muito importante pois caso não seja feito um dos dois processos citados acima, o cliente ou até mesmo o profissional pode contrair uma doença infecciosa ou uma dermatite de contato.

A Biocide lançou em setembro o Donna, produto para desinfecção rápida. Ele tem 99,99% de eficácia para eliminação de fungos, bactérias e vírus, até mesmo para hepatites B e C e HIV. Outro ponto importante é que o produto age em 3 minutos e não precisa de enxágue. Além disso, os donos de salões de beleza podem deixar as clientes tranquilas quando o assunto é biossegurança, pois ao comprar 3 frascos de 480ml de biocide Barba ou Biocide Donna, ele ganha o selo ‘Garantia de biossegurança 2020 Biocide’. Com isso, todas as pessoas que frequentarem o local saberão que estão livres de qualquer contaminação. Detalhe, esse selo vale durante todo o ano de 2020.

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Eventos

Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas