Conecte-se com

Eventos

Museu Casa de Portinari realiza exposição coletiva de artes plásticas no RibeirãoShopping

Publicado

em

Casa de Portinari realiza exposição coletiva de artes plásticas no

Mostra está em cartaz desde o dia 6 de setembro, na Praça de Eventos B, Setor Terra Vermelha, com cerca de 170 trabalhos de artistas locais e de outras partes do Brasil  

O Museu Casa de Portinari, de Brodowski (SP), instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari, estendeu para além da 43ª Semana de Portinari a Exposição Coletiva de Artes Plásticas. O RibeirãoShopping recebe, entre os dias 6 de setembro e 7 de outubro, cerca de 170 trabalhos de artistas ribeirão-pretanos, da região e de todo Brasil, explorando diferentes técnicas e linguagens, na Praça de Eventos B, no Setor Terra Vermelha.

De acordo com a diretora do Museu Casa de Portinari, Angelica Fabbri, a mostra é uma prorrogação da Exposição Coletiva de Artes Plásticas, promovida dentro da Semana de Portinari. “É de muita importância a perspectiva de continuidade e valorização da arte e dos artistas, bem como do trabalho do Museu Casa de Portinari, no espaço do RibeirãoShopping, que é marcado pela grande presença regional. A exposição tem por característica principal reunir obras e artistas numa pluralidade de propostas estéticas, plásticas, do ver, fazer, e sentir  arte, em benefício ao criador, à criação e ao espectador e fruidor”, explica.

São pinturas, desenhos, colagens, instalações, esculturas e fotografias que apresentam a arte de uma forma diversa e que promete encantar o público. Para a produção da mostra não foi realizada uma seleção prévia, sendo totalmente aberta para a adesão dos artistas. “Para o RibeirãoShopping é uma honra receber uma exposição que valoriza e promove a arte, tornando-a mais próxima do público”, acrescenta o gerente de marketing do RibeirãoShopping, Marcos Botelho.

A tradicional Exposição Coletiva de Artes Plásticas acontece dentro da programação da Semana de Portinari e é o momento de celebração da arte em suas mais diferentes maneiras, também de valorização do artista que pode ter seu trabalho apreciado, proporcionando uma ampla visão da arte pelo público, além da possibilidade da descoberta de novos talentos.

Museu (SP)

Inaugurado em 14 de março de 1970, em Brodowski (SP), o Museu Casa de Portinari, instituição do Governo do Estado de São Paulo administrada pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo em parceria com a ACAM Portinari (Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari), Organização Social de Cultura, com sede em Brodowski, tem como edificação a antiga residência de Candido Portinari e representa a forte ligação do artista com sua terra natal, origens e laços familiares. É o local onde ele realizou suas experiências com pinturas murais e se aprofundou na técnica ao passar dos anos. O acervo artístico da instituição constitui-se, principalmente, por trabalhos feitos em pintura mural, nas paredes do imóvel. Entre os ambientes que mais se destacam, estão o ateliê, com os objetos de trabalho do artista, e a “Capela da Nonna”, que Portinari pintou para sua avó. Em maio de 2014, o Museu foi reaberto ao público depois de um completo e minucioso restauro que durou cerca de dois anos, com nova expografia e a descoberta de um afresco inédito.

 

Serviço:

Exposição: Exposição Coletiva de

Acesso gratuito

Período: de 06 de setembro a 07 de outubro de 2018

Local:  Praça de Eventos B, Setor Terra Vermelha  – RibeirãoShopping

Horário de visitação: Segunda a sábado, das 10h às 22h

                                  Domingos e feriados das 14h às 20h

 

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eventos

Cantor Thalles Luna vai animar Noite paulistana no NorthBeer

Publicado

em

Por

O cantor Thalles Luna começou a escrever canções aos 12 anos de idade, na época passava por um momento difícil em sua vida, lutava contra uma depressão que se iniciou após o falecimento do pai! Foi na música que Thalles encontrou conforto! Com apenas 10 anos de idade, ele percebeu que escrever músicas era uma válvula de escape para os problemas que enfrentava. O artista escreveu diversas letras, porém as deixou guardadas por anos a fio. Em abril de 2019, o artista lançou seu primeiro single intitulado ‘Com Você’, uma balada romântica e uma das primeiras composições do artista, escrita quando ele tinha apenas 12 anos de idade!

Sem vídeo clipe a música superou 10 mil views em seu primeiro mês, hoje conta com mais de 45 mil.

“Foi uma época bem difícil para mim, eu era muito novo, passando por algo que não sabia o que fazer, como conduzir aquela situação… A música me ajudou, eu escutava muita coisa, depois comecei a escrever… Era uma válvula de escape, eu podia colocar para fora tudo o que estava sentindo, me trazia alívio e tranquilidade. Foram 5 anos lutando com isso…. Quando eu comecei a escrever a ideia era expressar as coisas que sentia, que talvez não saberia falar com alguém…. Logo percebi que estavam nascendo letras de músicas, quando eu ia ler eu lia cantando!”

Hoje Thalles Luna já está em seu terceiro single e acaba de lançar seu mais novo EP “ Íntimo” com 3 músicas incluindo três Clips, um dos quais com participação da atriz Jeniffer Setti , que contracenou com o cantor na gravação do clip “Uma só jogada”!

Com mais de 28 mil views em todas as plataformas com Menos de 1 mês de lançamento !

A carreira do artista está em ótima fase fechando o ano em grande estilo se apresentando no Reveillon da casa. Northbeer , em São Paulo quando ele presenteará o público presente com uma música inédita e mais duas surpresas!!! Vale a pena conferir ! Fica a dica para virada ao som de Thalles Luna!

Serviço:

Northbeer
Av Luiz Dumont Vilares, 1543

Continue Lendo

Eventos

Teatro MASP Recebe a Reestreia de “REVIR”

Publicado

em

Por

Com Kauê Ribeiro, Joaquim Tomé e Marina Droghetti

Reexistir, refazer, revelar, resistir… 

O apego pela autoimagem celebra um cárcere privado. A pulsão emerge e a jornada se torna necessária. No momento de se libertar, desenha-se o infinito movimento de vir de novo.

É um mergulho nas questões existenciais que temos ao longo da vida. As descobertas feitas ao longo dessa jornada, muitas vezes angustiantes, nos força a quebrar amarras e ressignificar nossa existência para encontrar a harmonia.

REVIR tem como foco central essa jornada que remete a busca pela união ego-alma, a união primordial com o universo.

Reexistir, refazer, revelar, resistir… O impulso auto reflexivo, o indivíduo se relacionando com as diversas forças e facetas de seu ego.

O espetáculo tem a intenção de despertar o público para suas próprias questões existenciais.

O infinito movimento de vir de novo. Revir.

 

Sobre Marina Droghetti:

Formada como bailarina na EAT Contemporain (Ministère de la Culture) Paris, estudou balé clássico, dança contemporânea e jazz. Performou no Rodin e na Bourse de Paris.  Já no Brasil, em 2015, fundou o próprio estúdio e desenvolveu o método BalletBuild. A técnica mescla ballet no chão com alongamentos e pilates, que desenvolve um corpo flexível e tonificado.  Uma de suas grandes referencias é o coreógrafo Philippe Decoufle, com quem pode estudar por alguns meses.

“A ideia do espetáculo total, da dança em foco, os elementos cinematográficos, a dramaturgia e a ilusão de ótica que ele trabalha me levam para um estado de total presença e imersão artística. Busco colocar tudo isso nos meus trabalhos” – Marina.

 

Ficha Técnica:

Direção: Marina Droghetti e Joaquim Tomé

Coreografia: Joaquim Tomé

Concepção: Marina Droghetti

Assistente de ensaio: Kênia Genaro

Elenco: Kauê Ribeiro, Joaquim Tomé, Marina Droghetti

Figurino: Sônia Tomé

Imprensa: Leonardo Almeida Assessoria de Imprensa

Produção: Cassia de Souza – Sala de produção

 

Serviço:

Data: 17/12

Horário: 21 horas

Local: MASP – Avenida Paulista, 1578

Ingressos: R$ 70,00 (inteiro) R$ 35,00 (meia)

Classificação: Livre

Instagram: @revir_marinadroghetti

Continue Lendo

Eventos

Quer inovar na confraternização do fim de ano? Faça um Amiga Sexycreta!

Publicado

em

Amigas de longa data, mulheres da família ou colegas de trabalho podem inovar nessa tradição e optar pelo Amiga Sexycreta

 

As festas de fim de ano se aproximam e o amigo secreto da família ou da empresa já começa a ser organizado, certo?

Mas, nem sempre a mesmice é legal, então, para inovar, a empresa Divenhaus trouxe uma alternativa para as mulheres que desejam fazer desse momento algo mais divertido: o Amiga Sexycreta.

“Nós organizamos os sorteio e o valor estipulado são as próprias amigas que escolhem, sugerimos alguns kits para facilitar na escolha dos presentes. Cada uma escolhe o que quer ganhar e nós cuidamos de todos os detalhes, para que cada uma receba o presente selecionado”, conta Daiany Scheer, fundadora da Divenhaus.

Como funciona?

Sendo assim, o ideal é que a data seja reservada ao menos com 20 dias de antecedência, para que todas possam se programar e também, no caso de datas específicas, haver mais chances de garanti-la no calendário da casa.

A quantidade de mulheres pode ser de 10 a 20, para que a festa fique animada e, ao mesmo tempo, dê para que todas desfrutem com conforto dos ambientes e atrações.

Tudo pode durar de quatro a cinco horas, dependendo do que a mulherada incluir no pacote ou achar adequado para o tempo que elas disponibilizaram para essa confraternização.

“Oferecemos o bate-papo com a sexóloga, a experiência sensorial despertando os cinco sentidos no quarto da Safada Madrinha ‒ em que as mulheres entram vendadas, além de algo bem interessante e diferente de tudo que elas já experimentaram. Também há o buffet com comidinhas, docinhos e as bebidas em um ambiente sofisticado e contemporâneo, com áreas externas e internas, assim como uma decoração de acordo com o que elas desejarem para essa comemoração tão especial e divertida”, pontua Daiany.

O que as mulheres querem para o Amiga Sexycreta?

Não são apenas as mais extrovertidas ou despojadas que gostam da ideia, diferentemente do que muitos pensam.

Inclusive, algumas mulheres aproveitam a oportunidade para conhecerem ambientes como esses, por terem vergonha de irem a um sex shop, mas têm muita curiosidade de saber como são os produtos ou até mesmo o local.

Por isso, se a confraternização é entre mulheres da família, do trabalho ou de amigas de longa data, alguns presentes são “coringas” para incluir na lista de desejos:

  • Se você é mais tímida, baby-dolls, camisolinhas, sabonetes íntimos, óleos bifásicos e alguns produtinhos para apimentar a relação são certeiros;
  • Já se você é mais ousada, sexy toys como vibradores e excitantes femininos são sempre ótimas pedidas, além de um body com estilo mais sensual.

Um modo de se amar também!

Para Daiany, esses presentes são assertivos e podem ajudar.

Inclusive, na promessa de “se amar mais” que a presenteada vai fazer na virada do ano.

“Costumo dizer que a lingerie faz parte da mulher, ela deve usar primeiro para ela se sentir bem com ela mesma e depois para apresentar ao parceiro. Uma lingerie que veste bem o corpo da mulher ajuda a elevar sua autoestima e, assim, ela também vai se sentir valorizada”, ressalta.

Já o brinquedo erótico é uma maneira de o casal inovar, sair da rotina. Assim, a especialista conta que existem toys que podem ser usados tanto no homem, quanto na mulher. E isso de uma maneira bem gostosa para ambos.

“Sempre digo para elas que o brinquedo é o gelo de uma bebida: você quer beber, sabe que a bebida é boa,  mas com o gelo fica mais gostoso”, finaliza.

Serviço:

Divenhaus – www.divenhaus.com.br e @divenhaus

Tels.: (11) 5184-1067 e 99681-0990

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Eventos

Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas