Conecte-se com

Saúde

Refluxo Gastroesofágico: Uma doença crônica que pode ser controlada

Publicado

em

“A solução pode ser simples, mas requer mudanças nos hábitos alimentares.”

O (RGE) é uma doença muito comum que afeta milhões de pessoas no mundo todo. Segundo o , Cirurgião Geral do Centro Médico Consulta Aqui, “É o retorno de alimento, suco gástrico ou bile do estômago em direção ao esôfago. As causas para o surgimento de RGE são alterações anatômicas ou funcionais do estômago e do esôfago, que podem ser agravadas por erros alimentares e também por obesidade. Trata-se de uma doença crônica, que pode ser controlada com tratamento clínico ou cirúrgico”.

Mas, dependendo do caso, a solução pode ser mais simples. Sem a necessidade de cirurgia, o tratamento pode se basear apenas em mudança de hábitos alimentares, juntamente com o uso de medicamentos que diminuem a produção de ácido pelo estômago. “É preciso restrições na dieta, como evitar grandes refeições que devem ser bem fracionadas, também evitar consumo de álcool, bebidas gaseificadas, alimentos ácidos e café”, explica Dr, Iuri.

O tratamento é individualizado a cada paciente e de tempo indeterminado, os principais sintomas são azia e regurgitação de alimentos e os exames para diagnóstico são endoscopia digestiva alta, seguido de pHmetria e manometria esofágica. “Não há uma forma de se prevenir o aparecimento da doença; apenas agir nos fatores agravantes”, completa.

Seja qual for o caso, ao sentir episódios repetidos de azia ou queimação, é muito importante que procure assistência médica para diagnóstico e tratamento adequados.

Consulta Aqui:

Centro médico oferece exames e consultas a preços acessíveis.

Em um único lugar, o Consulta Aqui oferece mais de 20 especialidades médicas e diversos exames com agilidade e corpo clínico altamente especializado.

Com o slogan “Sua saúde no lugar certo”, o Consulta Aqui, localizado na Lapa, zona oeste da capital paulista, vem conquistando a cada dia mais clientes que encontram ali uma forma de realizar suas consultas e exames a preços competitivos em relação aos cobrados em clínicas e laboratórios da região.

Entre as especialidades médicas, o centro conta com Cardiologia, Bucomaxilo, Cirurgia Torácica, Cirurgia Geral, Cirurgia Plástica, Clínico Geral, Dermatologia, Endocrinologia, Fisioterapia, Gastroenterologia, Ginecologia, Neurologia, Oncologia, Hematologia, Ortopedia, Otorrinolaringologia, Pediatria, Pneumologia, Proctologia, Urologia e Cirurgia Vascular.

Contando com um corpo clínico especializado, o Consulta Aqui oferece ainda sessões de fisioterapia – motora, respiratória, neurológica, ortopédica, reumatológica e urológica – além de Reeducação Postural Global (RPG) e drenagem linfática pré e pós-operatória.

Disponibiliza também exames laboratoriais, passando por check-ups (clínico, cardiológico, ginecológico, urológico e pré-operatório), escleroterapia, lavagem de ouvido, até procedimentos estéticos não invasivos, realizados por cirurgiões plásticos e dermatologistas.

Entre os muitos benefícios concedidos aos seus clientes, o Consulta Aqui lançou seu cartão fidelidade. Com ele, além de desconto de 10% a partir da quinta consulta, ao atingir dez carimbos o cliente ganha uma consulta com o especialista de sua preferência.

Serviço:

Endereço:

Rua Barão de Jundiaí, 485 – Lapa – São Paulo – SP

Central de atendimento:  (11) 3838 4669

Site:  http://www.consultaaqui.com.br/

 

Planos de saúde credenciados

ABET – ALLIANZ – AMEPLAN – BRADESCO – CABESP – CARE PLUS – CET – FUNDAÇÃO CESP – GAMA – GEAP – LIFE EMPRESARIAL – MEDSERVICE – GRUPO NOTRE DAME – INTERMÉDICA SANTA AMÁLIA – PLASAC – PORTO SEGURO (FUNDAÇÃO ITAU) –  SÃO CRISTÓVÃO –  SEPACO – SBC SAÚDE – SIND. DAS BORRACHAS – SISTEMA TOTAL DE SAÚDE – SUL AMÉRICA

Saúde

Falta de uso de preservativo nas relações sexuais faz explodir número de casos de sífilis no país, adverte ginecologista

Publicado

em

Casos aumentaram principalmente entre jovens e gestantes nos últimos anos, segundo o Ministério da Saúde

O Brasil enfrenta uma epidemia de sífilis, Doença Sexualmente Transmissível (DST) causada pela bactéria Treponema pallidum. O Ministério de Saúde admite a epidemia. Mesmo assim, não lançou até o momento nenhuma campanha institucional educativa, que alertasse a população sobre o mal. A sífilis se manifesta inicialmente como uma ferida indolor, mais frequentemente localizada na genitália, no reto ou na boca. Em uma segunda fase, é caracterizada por lesões avermelhadas na pele, inclusive na palma de mãos e planta de pés. A partir daí, ocorre um período sem novos sintomas até a fase final (latência), que pode variar de meses a anos, levando a sérios danos para a saúde em geral e até à morte.

A médica ginecologista Juliana Pierobon, da Altacasa Clínica Médica, adverte que a população sexualmente ativa deve estar atenta e adotar medidas de prevenção, como a realização de exames médicos regulares e, principalmente, o uso de preservativo durante as relações sexuais. “A sífilis é um mal silencioso. Após a infecção inicial, a bactéria pode permanecer no corpo por décadas, para só depois manifestar-se novamente. A doença é grave e não pode ser negligenciada”, ressalta.

Dados do Boletim Epidemiológico de Sífilis – 2018, publicado em novembro passado pelo Ministério da Saúde, apontam aumento no número de casos dessa enfermidade em todo o país e em todos os cenários da infecção. Em comparação a 2016, houve crescimento de 28,5% na taxa de detecção de sífilis em gestantes, 16,4% na incidência de sífilis congênita e 31,8% na incidência de sífilis adquirida.
A sífilis é uma doença infectocontagiosa, sexualmente transmissívelEmbora seja transmitida pelo contato sexual, na maioria dos casos, ela pode aparecer também em decorrência de transfusão de sangue, por contato direto com sangue contaminado ou na forma transplacentária, transmitida da mãe para o feto, em qualquer período da gestação.

“É muito importante alertar que um terço das pessoas que tem um parceiro infectado adquire a doença. Os sintomas são mais evidentes nos estágios iniciais, quando o risco de transmissão também é maior. Depois, a bactéria fica latente no organismo. Se a doença não for investigada e tratada, pode voltar com agressividade, levando o indivíduo,  muitas vezes, a complicações graves, como doenças cardíacas, transtornos mentais, cegueira, paralisia e até mesmo à morte”, adverte a ginecologista da clínica Altacasa, na capital paulista.

Por isso, a realização do teste de sífilis é fundamental, não só entre as gestantes, mas também entre os jovens, que em geral têm uma vida sexual mais ativa. É nesta faixa etária, inclusive, que foi registrado maior aumento de casos da doença nos últimos anos.

“Os jovens, que cada vez mais praticam sexo sem prevenção por não saberem muitas vezes do perigo das DSTs, precisam ser alertados. Acredito que o tema deveria ser discutido, inclusive, nas escolas e universidades. No caso das gestantes, é importante iniciar o pré-natal o mais cedo possível, com a inclusão do teste de sífilis (VDRL) no primeiro e no terceiro trimestre da gravidez, além de repetí-lo na hora da internação para o parto”, afirma a Dra. Juliana.

Teste é rápido e seguro
A sífilis tem cura. O tratamento é simples e feito com antibióticos. Todos que tiveram relação sexual sem proteção devem fazer o teste, que está disponível na rede pública de saúde.
“O teste que detecta a sífilis – e também o HIV – é rápido, seguro e sigiloso. É realizado a partir da coleta de uma gota de sangue da ponta do dedo. Depois de 20 minutos, em média, sai o resultado. O diagnóstico precoce é muito importante. Quanto mais rápida é a descoberta da sífilis, mais cedo é possível começar o tratamento, prevenindo doenças oportunistas. Além disso, a rápida conscientização sobre a doença possibilita que a pessoa não transmita a bactéria para seus parceiros. “Na suspeita de algo diferente no seu corpo procure o médico, busque informações e utilize sempre o preservativo na hora do sexo”, conclui a especialista.

Continue Lendo

Estilo de Vida

“Vai um cafezinho aí?” por Luca Moreira

Publicado

em

Por

Luca Moreira: O café! Uma bebida que alguns tomam para se manterem acordados e outros apenas pelo puro prazer de se deliciarem. Mas você sabia que essa bebida vai muito além desses benefícios?

Também chamado de “rubiaceae”, nome pelo qual é denominado no seu país de origem, a Arábia, que propagou a planta na cultura popular. Nessa época tinham o completo controle de seu cultivo e preparação.

Atualmente no Brasil são produzidas todo ano quase 3 milhões de toneladas de grãos de café, fazendo dela uma das bebidas mais consumidas diariamente pela população.

Apesar dessa produção toda, os brasileiros ainda não lideram em quantidade de consumo, perdendo para a Finlândia, onde cada pessoa chega a tomar 13 quilos de café por ano, superando nossa população de cinco quilos. E com tanta produtividade não é de se espantar que ele possa ter tanta diversidade, pois para cada paladar existe um tipo diferente de grão. Além do tradicional café expresso e do delicioso cappuccino, também existe, entre outros, o “Ristretto”, “Corretto”, o “Irish” que também é muito apreciado junto a uma dose de whisky, o “Macchiato”, “Moka”, e é claro o café com leite.

Devido a sua importância e influência no mundo todo, no dia 14 de abril é comemorado o Dia Internacional do Café, e que melhor ocasião que essa para conhecermos os maiores benefícios que essa bebida nos traz:

O primeiro de muitos efeitos dele, é que além de ser saudável, ele também melhora o funcionamento do fígado. Pesquisas apontam que beber entre quatro e cinco xícaras por dia, reduz 80% as chances de uma cirrose no organismo. Os nutrientes também não ficam de fora, porque ele é uma grande fonte de antioxidante, contendo vitaminas como a B2, B3, e B5, além de manganês, magnésio e potássio.

A principal substância contida na bebida, a cafeína é considerada um potente estimulante psicoativo, que é a responsável por manter-nos acordados, estimular o trabalho do cérebro e de acelerar o raciocínio. Além disso, a cafeína contribui para a redução de várias doenças como Parkinson, diabetes, depressão, doenças cardíacas, demência e até mesmo o câncer.

Muitas pessoas pensam que o café só serve para te deixar mais disposto e agitado, não é verdade. Dependendo do organismo da pessoa que está bebendo, ele também tem o efeito de deixa-lo mais calmo e sonolento. O aroma do café altera a composição de uma proteína dentro do cérebro associada ao estresse, aliviando assim a privação do sono.

E claro! Não vamos esquecer do bom humor que aquele cheirinho e o sabor inconfundível do café nos traz de manhã. Então, vai um cafezinho aí?

Continue Lendo

Saúde

“Não consegue emagrecer? A resposta pode estar na mastigação e na ansiedade”, diz Bella Falconi

Publicado

em

Em artigo publicado no Viva Bem do UOL, a nutricionista e influenciadora digital Bella Falconi contou para os seus leitores que existem casos de pessoas que, mesmo fazendo dieta e comendo alimentos ditos saudáveis, não conseguem emagrecer. Isto pode ocorrer devido a problemas na mastigação, que são decorrentes da ansiedade: “Apesar de ser hábito de muitas pessoas e consequência da correria do mundo moderno, que nos exige respostas cada vez mais rápidas às situações, comer rapidamente não é uma boa ideia. Nunca”.

Bella Falconi afirma que já viu muitas pessoas queixarem-se de ganhar peso e sentirem-se estufadas e que no final tudo era devido a maus hábitos de não mastigar propriamente a comida: “Um estudo apresentado em evento da Associação Americana do Coração (AHA, na sigla em inglês) perceberam que os que sofriam de ansiedade à mesa tinham um risco maior de desenvolver síndrome metabólica do que quem comia em velocidade normal: 11,6% contra 6,5%, respectivamente. Engolir a comida como se não houvesse o amanhã foi associado a ganho de peso, cintura mais larga e altas taxas de glicose no sangue”.

A nutricionista explica outro motivo pelo qual pessoas que comem rápido demais engordam: “Todo hábito compulsivo é rápido. Quando você come rápido sem respirar, ingerindo os alimentos quase inteiros, o organismo não tem como assimilar adequadamente o que se ingere e a consequência disso é o acúmulo de gordura”.

Veja o artigo completo no blog da Bella Falconi no UOL: https://bellafalconi.blogosfera.uol.com.br/

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Publicidade

Eventos

Próximos eventos

  1. Thiago Ventura em Jacareí (SP)

    abril 26 @ 21:00 - 23:00
  2. Após sucesso de vendas, Milton Nascimento abre data extra no Espaço das Américas

    abril 28 @ 18:00 - 22:00
Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas