Conecte-se com

Estilo de Vida

Confissões de uma sugar baby

Publicado

em

Estudante de 24 anos conta sua experiência no mundo

Elas já ultrapassaram a marca de dois milhões na plataforma de  MeuPatrocínio. São jovens, bonitas, atraentes, têm clareza de objetivos e estão em busca de um homem maduro, bem-sucedido, um sugar daddy, que possa proporcionar o apoio emocional e financeiro que desejam.

É o caso de Maíra, universitária de 24 anos. “Estava com muitas dificuldades para conseguir bancar a minha faculdade. Vim do interior e dividia o apartamento com uma amiga. Tinha a sensação de independência, mas as contas se acumulavam. No meu trabalho, fiquei sabendo da história de uma colega que conheceu um daddy, se apaixonou, casou e agora leva uma vida de sonho. Pensei que também deveria tentar, já que, pelos relatos, a relação sugar prevê que as expectativas de cada um sejam alinhadas desde o início. Eu poderia dizer exatamente o que pretendia e o que poderia oferecer na relação”.

A universitária conta que, desde que fez a inscrição no MeuPatrocínio, a sua vida passou por algumas mudanças. “Conheci alguns daddies e a minha situação atual é mais do que confortável. Hoje, moro sozinha, o meu namorado – sim, meu daddy é o meu namorado – banca o aluguel do flat e tenho mais tempo livre para me dedicar aos estudos. Ele me enche de presentes e o maior deles foi passar o réveillon em Paris. Foi a minha primeira viagem internacional e recebi o bilhete como presente de natal. Só posso estar feliz! Encontrei um homem experiente, inteligente e charmoso que está sempre preocupado em satisfazer as minhas vontades”.

Mas, até encontrar o daddy atual, Maíra tomou diversas precauções. Sempre procurou conhecer um pouco mais o pretendente antes de marcar o primeiro encontro. Trocava muitas mensagens e investigava melhor a pessoa através das redes sociais para encontrar alguém que realmente estivesse disposto a oferecer o que ela queria. “Não posso dizer que não tenha tido algumas decepções, mas acho que faz parte da trajetória. Eu buscava alguém que, além de proporcionar apoio financeiro, me orientasse nos estudos e na carreira que pretendo seguir. Não se trata somente de bens materiais, mas também de suporte emocional, queria alguém que estivesse presente e disposto a compartilhar experiências e vida”.

“Sim, é claro de rola . É uma relação normal e saudável. Mas, tenho as minhas próprias regras. Para a intimidade, preciso estar atraída pela pessoa, preciso de envolvimento emocional, como em qualquer relação que tive antes. O que diferença é que, desde o início, estabeleci e fui clara com relação às minhas expectativas e ele também. Nos encontramos, no mínimo, três vezes por semana e estou sempre disponível para acompanhá-lo em viagens de negócios, o que não é nada mal. Não tenho do que reclamar. Foi uma escolha que fiz na vida e não me arrependo. Continuo com a minha independência de ir e vir e não me vejo impedida de fazer nada. Estou com ele porque quero, porque gosto. E assim espero continuar”, finaliza Maíra.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Beleza

Alongamento de Cílios: especialista da Pink Lash esclarece mitos e verdade sobre a técnica

Publicado

em

As extensões de cílios são a nova febre do mundo estético. Unindo charme e praticidade, a técnica valoriza o olhar, ajusta a simetria do rosto e tem o poder de levantar a autoestima.  A tendência é tão significativa que atingiu até mesmo os homens, que no geral, preferem modelos sem tanta curvatura, apenas para aumentar o volume dos naturais.

Apesar da crescente procura, muitas pessoas ainda têm receio em realizar o procedimento ou até mesmo dúvidas sobre como funciona. Pensando nisso, a fundadora e empresária da Pink Lash, Samara Martins, separou e desmistificou os principais mitos e verdades em torno técnica. Confira!

A extensão de cílios prejudica os fios naturais – MITO
A técnica não apresenta risco aos fios naturais quando executada de maneira correta e respeitando o ciclo de crescimentos dos pelos. Isso porque os cílios se renovam a cada  90 dias, sendo o processo dividido em três fases: anágena (crescimento), catágena (repouso) e telógena (queda). “O trauma causado em muitas mulheres ocorre quando o método de colocação é incorreto ou quando a extensão é colocada em fios que estão no período anágena, fase em que os fios são muito delicados e não tem estrutura para sustentar um alongamento”, explica a especialista.

Não há necessidade de máscara e Curvex – VERDADE
Após a colocação do alongamento, não se faz necessário o uso de máscaras ou curvex, pois a técnica por si só já garante o efeitos proporcionado pelos dois produtos. “A vantagem da extensão é justamente alterar a espessura dos fios para dar a impressão da máscara recém aplicada ou de até de cílios postiços”.

Pode provocar queda – MITO
As extensões de cílios fio a fio tendem a se descolar com o tempo e irão cair apenas quando os cílios atingirem a fase telógena —  período em que os cílios naturais estão em um processo natural de queda para dar início a substituição por um novo fio. “Na técnica, um fio sintético é colocados sobre um único fio natural, respeitando a raiz dos cílios e a fase de crescimento em que se encontra”, garante.

Extensões podem causar alergia – VERDADE
Samara esclarece que como todo procedimento estético, existe o risco de alergia aos componentes utilizado e defende o teste alérgico antes de qualquer intervenção. “Na Pink Lash, nós disponibilizamos um teste dermatológico alérgico para garantir que a cliente não tenha nenhum tipo de problema como adesivo utilizado para fixar os fios”.

Mulheres grávidas podem fazer – VERDADE
Não existe nenhuma contraindicação de extensões para gestantes, pelo contrário, esse tipo de intervenção estética só tem a acrescentar na autoestima da mulher. “Muitas mamães fazem para poder registrar a foto do parto de forma que se sintam mais bonitas , basta conversar com seu obstetra explicando o procedimento não invasivo e solicitar autorização”, sugere.

Não pode molhar- MITO
A ideia do alongamento é facilitar a vida da mulher e não dificultar! O recomendado é que a cliente não entre em contanto como a água apenas nas primeira 24 horas após o procedimento. Essa medida é necessária para garantir a fixação correta do adesivo. “Após isso, indicamos lavá-las diariamente com shampoo neutro para uma maior durabilidade. Mar, piscina e banho são totalmente bem vindos após esse período”.

Disfarça pálpebras caídas – VERDADE
Além de proporcionar harmonia ao rosto, a extensão também disfarça pálpebras caídas e olhos afastados. “Isso é possível com os desenhos que fazemos no chamado de mapping do olhar — um visagismo focado na região dos olhos — que proporciona desenhar o olhar do jeito que a cliente quer”, explica Samara.

Banho quente pode prejudicar o adesivo- MITO
A tecnologia dos adesivos garante que após o período de fixação, que é de 12 horas, não há risco descolamento do fio por meio da água, seja ela quente ou fria.

Produtos químicos reduzem a vida útil dos cílios- VERDADE
Como existe a possibilidade de afetar a durabilidade da extensão, o recomendados é evitar o contato.

Continue Lendo

Fashion

Pretinho nada básico: Confira a curadoria de peças que prova que a lingerie preta pode ser glamorosa

Publicado

em

O “pretinho” é aquela peça indispensável no guarda-roupa de qualquer mulher, mas nem de longe precisa ser modesta. Disponíveis em inúmeros tecidos e diversas padronagens, as lingeries pretas são uma aposta segura para quem quer ser sensual na medida certa, ou não.

A vantagem da peça nesse tom é justamente a versatilidade. Isso porque o look total black tem o poder de transformar a mulher em uma figura mais ousada, elegante, modesta ou sedutora, a depender da ocasião e do modelo escolhido. “Outra vantagem de adquirir esse tipo de peça é a cartada do clássico que nunca sai de moda, além de ser uma opção democrática e que agrada pessoas de diferentes estilos”, explica Alessandra Chaves, estilista da Vipagi Lingerie.

Na hora de comprar, o que vale mesmo é o conforto e principalmente o bem-estar. E para não errar na escolha a estilista Alessandra Chaves preparou uma seleção de dicas que prometem fugir do monótono e surpreender.

1 . Aposte em bordados


Divulgação/Vipagi

O bordado é uma técnica infalível para enriquecer peças do vestuário, sobretudo as lingeries, que ganham requinte e elegância quando trabalhadas com o material. “Essas peças também contribuem para a criação de pontos focais na produção, evitando que a composição se torne pesada”, explica Alessandra.

2. Invista na terceira peça


Divulgação/Vipagi

A terceira peça também tem o seu valor nos looks íntimos. Acrescentar um hobby na composição, por exemplo, além de trazer sofistição, também pode ser uma estratégia eficaz para afinar a silhueta. “É uma aposta para mulheres que ganharam peso ou que não ainda estão inseguras com o próprio corpo”, aponta.

3. O estilo Kimono não pode faltar


Divulgação/Vipagi

Para mulheres mais tímidas, lingeries mais discretas são um investimento seguro, mas que não deixa de lado a ousadia e personalidade. Apesar de expor menos o corpo, peças no estilo kimono ou camisola continuam sendo são sensuais principalmente quando confeccionadas em renda ou cetim.

4.  Ouse no look dia-a-dia


Divulgação/Vipagi

O modelo bory está entre as peças mais versáteis do guarda-roupa íntimo. Por ser sensual na medida certa, essa peça também pode adaptada para em look do dia-a-dia, quando combinada com calças,shorts, saias. “É o tipo de peça que adere bem a tendência outwear, ou lingerie à mostra, sendo uma ótima aposta tanto para festas quanto para baladas.”

5. Não duvide da combinação renda + cinta-liga


Divulgação/Vipagi

Ideal para aquele em que o desejo é sair da mesmice, as cinta-ligas combinadas com meias ou espartilhos podem transformar qualquer pessoa em uma mulher fatal. E não há regra quanto a peso. “Independentemente da estatura ou da balança, toda mulher deve experimentar a sensação de poder que a combinação renda mais cinta-liga provocar na autoestima”, conclui Alessandra.

Atenção: Todas as peças nas fotos são de fabricação da Vipagi Lingerie

Preços:

1. Lingerie com detalhes em dourado R$114.00

2. Lingerie com hobby  R$114.00 Hobby R$99,00 conjunto

3. Hobby R$99,00

4. Body R$99,00

5. Conjunto espartilho R$159,00

Continue Lendo

Fashion

Moda masculina: saiba como usar e o que combinar com calça destroyed

Publicado

em

O que há alguns anos atrás era um tabu, e que muita gente tinha um certo pé atrás com esses modelos, hoje se tornou uma forte tendência e que vem pra ficar. Muitos homens começaram a aderir a chamada ‘calça jeans destroyed’, que são as calças rasgadas, no dia a dia e pra diversas ocasiões e estilos, seja do casual ao mais alinhado, e as combinações se mostram cada vez melhores e mais criativas.

O modelo Eduardo Rodrigues, nas passarelas de alguns dos principais desfiles do circuito mineiro da moda, revela porque cada vez mais este modo de usar a calça jeans tem ganhado mais adeptos: “É um estilo mais despojado e com ar mais jovial, que tem sido usado muito tanto no dia a dia casual e certas ocasiões por imprimir estilo e personalidade ao visual. Com a adesão maior, as Marcas começaram a enxergar uma boa oportunidade de mercado e começaram a investir em modelos que já vem rasgados de fábrica e que não necessitam de customização”.

Tipos de calça destroyed

Reprodução / MF Press Global

Eduardo Rodrigues revela que existem vários modelos disponíveis para quem resolver investir nesta opção ousada: “hoje não há apenas a opção tradicional, com rasgos no joelho, mas também diversos outros modelos à disposição e ao gosto do comprador. Além disso, hoje também encontra-se a calça cropped combinada com os rasgos, o que tem se tornado um trending”.

Combinações

Para não fazer feio na hora de usar a calça destroyed, o modelo aponta algumas combinações certeiras para usar com a calça destroyed:

Casual Style: Calça Destroyed Masculina + Camisa pra fora da Calça

All black: All Black (camisa preta e calça preta destroyed), incluindo detalhes e acessórios como relógios e pulseiras.

Street Style: Calça Destroyed mais rasgada, desfiada, ousando um pouco mais no efeito, combinada com camisa estampada.

Reprodução / MF Press Global

Jeans com jeans: Jaqueta jeans com Calça destroyed jeans. Visual um pouco mais alinhado, mas sem ser muito formal, usando a Jaqueta na substituição ao Blazer.

Biker style: Calça Destroyed + Jaqueta Biker de Couro + Tênis Old School. Este visual acompanha referências Retrô, como penteado clássico e jaqueta, mas repaginado com uma estética bem atual

Chelsea boot e suéter: Camisa social, Suéter e Chelsea Boot. Pra quem não precisa do Social Completo pro dia a dia.

T-shirt long + calça destroyed: Pra quem é mais baixo, a calça Destroyed pode quebrar o alongamento do Visual, então é importante prestar atenção pra não usar outras peças junto que achatem mais o look. Opte por camiseta Alongada e o tênis em cor contrastante.

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Eventos

Próximos eventos

  1. Vale Music Fest 2019

    setembro 13 @ 20:00 - setembro 21 @ 23:30
  2. DJAVAN VESÚVIO EM SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP)

    outubro 11 @ 21:00 - 23:30
Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas