Conecte-se com

Esportes

Maxi Gerardo garante 3º lugar na 1ª etapa do SBK Brasil

Publicado

em

Racing Team no pódio do Brasileiro de Motovelocidade

de ontem – SBK Brasil – 30 de abril de 2018   –   A JC Kawasaki Racing Team ficou muito próxima de abrir a temporada 2018 do SuperBike Brasil com vitória na categoria SuperBike, em prova disputa neste domingo (#29), no Autódromo de Interlagos, em São Paulo (SP). O piloto Maximiliano Gerardo (#41) manteve a liderança por diversas voltas da corrida e, após um pequeno erro, acabou perdendo a ponta e recebendo a bandeirada na terceira posição. Enquanto isso, seu companheiro de equipe, José Duarte (#97), precisou fazer uma corrida de recuperação e encerrou a prova em nono na SuperSport Pro.

Com o céu ensolarado e a temperatura agradável na capital paulista, a 1ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade rendeu, como já se esperava, grandes emoções e disputas intensas até as voltas finais. Em sua estreia no comando da Kawasaki Ninja ZX-10R de numeral #41, Maxi Gerardo buscou os limites do novo equipamento de 1.000 cilindradas e brigou até o fim pela vitória da SuperBike. Com uma largada excelente, o uruguaio, que largou da terceira posição, ultrapassou os líderes Diego Pierluigi (#84) e Eric Granado (#51) e assumiu a dianteira da corrida ainda nos metros iniciais.

A partir de então, formou-se a disputa que se seguiria até o fim da prova. Um pelotão formado por estes três pilotos e mais Alex Barros (#4) se distanciou dos demais adversários e protagonizou uma série de ultrapassagens com o objetivo de alcançar a ponta. Maxi Gerardo obteve bom desempenho nas voltas iniciais e conseguiu impedir as investidas de Eric Granado na primeira metade da prova. Com um ritmo forte e com os pilotos muito próximos uns dos outros, qualquer erro poderia marcar o fim da briga por uma possível vitória. Gerardo vinha como um dos favoritos nessa disputa. O uruguaio cerrou o punho de sua Kawasaki e manteve suas marcas na casa de 1m37s. Porém, logo na abertura da oitava volta, Maxi perdeu o tempo de frenagem e acabou passando reto na primeira perna da curva do ‘Esse do Senna’. Mesmo conseguindo retornar à pista, perdeu a liderança e caiu para a quarta posição – cerca de três segundos atrás de Barros e de Pierluigi.

A segunda metade da prova se transformou em uma corrida de recuperação para Maximiliano Gerardo. O uruguaio voltou a acelerar forte e cravou seu melhor tempo da corrida em 1m37s138. Esse empenho teve resultado e Maxi voltou a colar nos dois oponentes da equipe Alex Barros Racing. A queda de Pierluigi na 12ª voltou concedeu a terceira posição de graça ao uruguaio, que em seguida passou a pressionar o então vice-líder Alex Barros. Gerardo chegou a tomar a posição, porém, após cometer um novo erro, viu o adversário se distanciar já na penúltima volta. Sem mais tempo para retomadas, Maximiliano Gerardo encerrou a corrida em terceiro e garantiu o pódio.

Enquanto isso, no grid de 600cc, José Duarte (#97) foi o 10º colocado no geral e nono na categoria SuperSport Pro. O piloto de Fortaleza (CE), que largou na 15ª marca, fez um bom início de prova. Duarte acelerou forte sua Kawasaki Ninja ZX-6R e, volta após volta, foi ganhando posições. Na metade da corrida já estava em nono. Porém, perdeu desempenho e se consolidou na 10ª colocação no geral até receber a bandeirada.

Confira abaixo o resultado da 1ª etapa do SuperBike Brasil nas categorias SuperBike e SuperSport:

SuperBike:

1° – Eric Granado (#51), da Honda Racing Brasil: 23min17s911

2º – Alex Barros (#4), da Alex Barros Racing: + 6s460

3º – Maximiliano Gerardo (#41), da JC Kawasaki Racing Team: + 10s061

4º – Pedro Sampaio (#28), da Honda Racing Brasil: + 20s964

5º – Danilo Lewis (#17), da Tecfil Racing Team: + 26s00

SuperSport Pro:

1° – Ton Kawakami (#127), da Yamaha Racing: 21min17s829

2º – Leo Tamburro (#53), da Qatar Racing Team: + 4s316

3º – Fausto “Granton Gallay” (#32), da Yamaha Racing: + 4s714

4º – Lucas Dezeró (#7), da Alemão Pneus: + 12s518

5º – Matheus Barbosa (#260), da Motonil Motors: + 25s113

9º – José Duarte (#97), da JC Kawasaki Racing Team: + 41s468

Esportes

Em comemoração ao dia do paraquedismo 27 pessoas saltam de ponte para quebrar recorde

Publicado

em

Por

Hoje (22), é o dia mundial do paraquedismo, a data é uma homenagem a Andrews Jacques Garverin, que em 1797 saltou de um balão e foi imortalizado como o primeiro ser humano a pular de paraquedas.

Em comemoração a essa data o paraquedista brasileiro Vagner Jorge, foi à Rússia e participou da quebra de um novo recorde mundial, em Sóchi. Com um grupo de 27 pessoas de diversas nacionalidades (Rússia, Estados Unidos, Brasil, Turquia, França, Inglaterra e Bielorrússia) Vagner, saltou de uma ponte fixa com 207 metros de altura.

Inicialmente seria um grupo com 28 pessoas, mas um russo teve problemas e o paraquedas abriu antes do salto. O local onde aconteceu o evento se chama SkyPark, é um grande ponto turístico da cidade de Sochi, que além da ponte onde foi quebrado o recorde mundial, tem uma tirolesa com 233 metros.

Um vídeo mostra o exato momento em que o grupo com 27 paraquedistas, batem o recorde pulando da ponte.

 

Sobre Vagner Jorge

Vagner passou por diversas modalidades esportivas, como supermoto, onde foi campeão brasileiro, muay thay e handebol. Mas o amor pelo paraquedismo foi maior e avassalador, fazendo que ele buscasse todos os caminhos para se profissionalizar dentro da área, sem imaginar o sucesso que faria nela.

Em 2015, iniciou seus trabalhos na Austrália como dobrador de paraquedas, entre um trabalho e outro, fazia saltos esporádicos, até atingir a quantidade necessária para se tornar instrutor de voo.

De lá para cá, foram feitos milhares de saltos em lugares remotos, montanhas, antenas e prédios ao redor do mundo. Atualmente, Vagner trabalha como instrutor em Boituva, interior de São Paulo. Lá faz um trabalho muito especial incentivando o esporte para todas as pessoas, não importando idade, classe social ou limitações físicas.

Nesta primeira quinzena de outubro, ele esteve em Moscou na Rússia, onde treinou num túnel de vento, que chega a atingir cerca de 450km/h, para aprimorar ainda mais seu voo.

Instagram: https://www.instagram.com/vagnerjorge

 

Foto Divulgação/Felipe Marchesi

Continue Lendo

Esportes

Vagner Jorge é Referência no Paraquedismo

Publicado

em

Por

A grande maioria das pessoas, desconhecem que o paraquedismo é um esporte e uma profissão. Focam apenas em achar que os profissionais que praticam essa modalidade, são só pessoas corajosas ou insanas.

O paraquedista, Vagner Jorge, tem ganhado bastante destaque na área com um trabalho motivacional, que leva as pessoas a confiarem mais em si, através da vivência de novas experiências, em momentos de aventura e superação.

Eu acredito que o paraquedismo é um esporte para todas as idades, uma prova disso foi uma senhora de 86 anos, surda que saltou comigo. Isso me marcou muito, pois pude ver que nunca é tarde para fazer o que se têm vontade, e se você tiver perseverança nenhuma limitação vai te impedir. Vagner Jorge

Vagner passou por diversas modalidades esportivas, como supermoto, onde foi campeão brasileiro, muay thay e handebol. Mas o amor pelo paraquedismo foi maior e avassalador, fazendo que ele buscasse todos os caminhos para se profissionalizar dentro da área, sem imaginar o sucesso que faria nela.

Em 2015, iniciou seus trabalhos na Austrália como dobrador de paraquedas, entre um trabalho e outro,  fazia  saltos esporádicos, até atingir a quantidade necessária para se tornar instrutor de voo.

De lá para cá, foram feitos milhares de saltos em lugares remotos, montanhas, antenas e prédios ao redor do mundo. Atualmente, Vagner trabalha como instrutor em Boituva, interior de São Paulo. Lá faz um trabalho muito especial incentivando o esporte para todas as pessoas, não importando idade, classe social ou limitações físicas.

Nesta primeira quinzena de outubro, ele está em Moscou na Rússia, onde treina num túnel de vento, que chega a atingir cerca de 450km/h, a fim de aprimorar seu voo. Nos próximos dias, Vagner se dirige para Sóchi, onde tentará quebrar um recorde, junto a um grupo de 27 amigos. Eles querem ser o maior número de pessoas a saltarem de uma ponte ao mesmo tempo. O recorde atual é de 26 pessoas.

Sobre o Paraquedismo

A prática do paraquedismo é muito antiga, os primeiros registros que se tem, são de 1306 D.C., onde acrobatas chineses saltavam de muralhas com um dispositivo que amortecia a chegada ao solo.

No Brasil o esporte se tornou conhecido com Charles Astor, que lecionou um curso em 1931, no Aeroclube de São Paulo, e até hoje é reverenciado como um dos maiores incentivadores da prática em solo brasileiro.

Siga Vagner no Instagram:

https://www.instagram.com/vagnerjorge

Continue Lendo

Esportes

Diretoria do La Coruña convida o advogado Dr. Jorge Sanchez para conhecer as instalações do clube espanhol

Publicado

em

Por

Dr. Jorge Sanchez, sócio-fundador do escritório Sanchez e Sanchez Sociedade de Advogados, esteve no estádio Riazor, do La Coruña , na Espanha, a convite da diretoria do clube de futebol espanhol por meio do ex-jogador Mauro Silva, que foi campeão do mundo com a seleção brasileira na Copa do Mundo de 1994 nos EUA, e foi recebido por Francisco Paco Zás, presidente da equipe espanhola.

Durante a visita as instalações do clube, o advogado que atua na área empresarial, atendendo as principais instituições financeiras do Brasil, assistiu ao jogo La Coruña  x Almería ao lado do ex-jogador, o também brasileiro Donato, que atuou na equipe por mais de 10 anos e acabou se naturalizando espanhol, defendendo a seleção da Espanha.

Tanto Mauro Silva como Donato são reverenciados no clube espanhol até hoje, além de outros brasileiros que brilharam no Deportivo como Bebeto, Djalminha, Luizão, Rivaldo, entre outros.

“Quero agradecer a receptividade e o convite e dizer que na Espanha, já tenho um clube de coração: o La Coruña“, revela Dr. Jorge Sanchez.

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Eventos

Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas