Conecte-se com

Estilo de Vida

Quanto vale o seu tempo?

Publicado

em

Quanto vale o seu tempo?

(*)

 

Quem quer faz, quem não quer, inventa uma desculpa. Você, certamente, já ouviu essa frase, que mais do que um ditado popular, diz muito sobre gestão de tempo e prioridades.

Todos os dias ouço pessoas, de todas as idades, dizendo que estão sobrecarregadas e que não têm tempo para estudar, praticar uma atividade física ou mesmo se organizar na entrega de suas tarefas profissionais. E isso é verdade.

Vou te contar que tenho pensado muito em como usar, com sabedoria, minhas 24 horas todos os dias, de forma a procurar um equilíbrio entre vida profissional e pessoal. Além de ser de uma empresa de TI, pratico esportes, enfrento semanalmente uma ponte área, leio histórias para os meus filhos dormirem (muitas vezes via Skype), brinco com eles quando estamos juntos e estou me preparando para uma prova de triatlo.

A reflexão que trago para você é: o quanto vale o seu tempo? Você dedica suas horas de forma adequada às tarefas e as pessoas que participam da sua vida?

Vou falar de esporte porque gosto, mas nem sempre foi assim. Já estive bem acima do peso e, por isso, um diretor me desafiou a alinhar o atingimento das minhas metas no trabalho com a minha perda de peso. Resolvi encarar o desafio, mas confesso que demorei um tempo para entender o quanto era difícil mudar. Felizmente, o resultado não poderia ser mais positivo. Primeiro, emagreci mais de 20 quilos, porém não perdi apenas peso, foram tantas mudanças que penso ter “engordado em experiências e aprendizado”).

O esporte me ajudou a conciliar minha agenda, me tornar mais disposto e até mesmo a observar melhor o mundo a minha volta. Sem medo de parecer clichê, foi andando de bike e correndo que percebi que existiam patos e capivaras na Lagoa da Pampulha, próxima à minha casa. Eu passava todo dia de carro por lá, mas apressado, nunca tinha visto. Não enxergava a cidade que eu moro.

A corrida, que se tornou uma paixão na minha vida, também me ajuda a pensar em estratégia, resolução de problemas e enfrentar desafios. Ela me ensinou a refletir, pois quando estou correndo consigo conversar comigo mesmo e chegar a conclusões e soluções que muitas vezes não tenho sentado na mesa do trabalho.

Disposição para mudar pode vir de vários fatores. Lembro de uma vez que fui entrevistar um candidato para uma vaga na empresa e vi que ele tinha realizado muitas certificações e capacitações em um período curto de tempo. Muitas mesmo.

Achei estranho, pois era quase impossível alguém se dedicar tanto tempo para concluir todo aquele feito em um pequeno espaço de tempo. Foi durante a entrevista, que ele explicou que havia sofrido um acidente de moto e ficou acamado por um tempo. E, em vez de se lamentar, aproveitou para se especializar. Ele mostrou resiliência e foco, e eu o contratei principalmente por essa atitude positiva com a vida e com a conquista de uma ótima gestão de tempo.

Agora, estou me preparando para fazer uma prova de triatlo. Afinal, acredito que depois de nadar 3,8 Km, pedalar por mais 180 Km e correr por 42 Km, qualquer problema ou dificuldade do dia a dia será ainda menor. E assim os desafios aumentam e os problemas diminuem.

Essa é a maneira que encontrei para fazer os meus dias mais felizes, buscar pique para dar conta da minha agenda e contagiar quem está do meu lado. E você, como passará o seu dia amanhã? Lembre-se: você tem 24 horas.

(*) Braulio Lalau de Carvalho é CEO da Orbitall, empresa do Grupo Stefanini

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Beleza

Hairstylist Carlos Lima ensina tratamento natural para cabelos tingidos, crespos e ondulados

Publicado

em

Cada tipo de cabelo possui suas próprias características e cuidados especiais. No entanto, certos tratamentos, em especial para cabelos crespos, ondulados e tingidos, podem acabar sendo agressivos para o cabelo e em vez de atingir o resultado esperado danificam ainda mais os fios.

O hairstylist Carlos Lima revela que é possível cuidar dos cabelos crespos, ondulados e tingidos sem precisar sempre recorrer a ‘químicas’. Usando elementos totalmente naturais, é possível obter brilho, hidratação e maciez: “No caso das madeixas crespas, que possuem mais facilidade de ressecar, a rotina de tratamentos deve ser intensificada, em relação a outros tipos de cabelo, para manter os fios brilhosos e saudáveis sempre. Tudo isso pode ser feito com ingredientes orgânicos, encontrados na própria natureza”.

Siga as dicas de Carlos Lima para cuidar dos seus cabelos:

Pixabay / MF Press Global


Tratamento para Cabelos crespos ou ondulado

Para quem quer usar cabelos crespos e não pretende recorrer a chapinha ou alisamentos,  os óleos protegem o cabelo e o couro cabeludo contra danos e mantém o aspecto do cabelo sempre bonito. Óleos naturais ajudam a vedar as pontas duplas e salvar as partes frágeis e danificadas do cabelo. O óleo de amêndoa contém tudo o que as mulheres precisam. Os ácidos graxos, magnésio, fosfolipídios, vitamina E e o ômega-3 encontrados neste óleo ajudam a fortalecer o cabelo, prevenir a queda e adicionar mais brilho natural às suas madeixas .


Tratamento de Terapia de Cor

O óleo de jojoba é rico em nutrientes e gorduras que podem ajudá-lo a manter o equilíbrio do couro cabeludo, hidratando-o e condicionando-o diretamente de dentro da fibra capilar. Ele também pode poupar o seu cabelo de danos extras, reparando seus fios de estilo de calor também. Além disso, tem propriedades antibacterianas, o que significa que pode reduzir a probabilidade de caspa.

Além disso, a jojoba restaura os óleos essenciais perdidos no processo de coloração e equilibra naturalmente o pH do cabelo e do couro cabeludo após um serviço químico.

Continue Lendo

Fashion

Na contramão da tendência do fast fashion, empresário busca retorno à autenticidade no mundo da moda

Publicado

em

Assim como o fast food invadiu a gastronomia a partir dos anos 50 nos Estados Unidos, espalhando-se por todo o mundo, o mundo fashion vive hoje a era do ‘fast fashion’, que significa um padrão de produção e consumo no qual os produtos são fabricados, consumidos e descartados rapidamente. Este modelo de negócios além de gerar polêmicas, como os recentes casos de trabalho escravo associados a grandes marcas do ramo em países do sudeste asiático, implica questões ambientais e principalmente na uniformização da moda, cada vez mais fria e sem alma.

Na contramão desta tendência, o empresário do mundo fashion e influenciador digital Douglas Rocha tem procurado ressignificar e influenciar a sociedade através da moda, tomando a questão como ponto de partida para debater temas como sustentabilidade, consumismo, exaustão de recursos naturais e vida: “há 4 anos atrás a sustentabilidade passou a pautar também o meu conceito de moda. Eu me tornei vegetariano e parei de me render ao consumismo desenfreado. O vegetarianismo assim como outras vertentes que tocam no ponto da sustentabilidade abrem a nossa mente. Eu nao quer comer algo por simplesmente comer, trabalhar por trabalhar, eu quero que meu modo de vida seja benéfico para a sociedade, que possa causar impactos e mudanças positivas, e então comecei a olhar a moda com outros olhos. No entanto as coisas não acontecem da noite para o dia”

Douglas tem uma relação profunda e pessoal com a moda e a fotografia, e expressa esta intimidade através de seus posts e na maneira como conduz os seus negócios: “desde os meus 12 anos sempre gostei da fotografia, mas junto a ela da produção e de estética. Fui influenciado pela minha mãe que trabalha com moda há mais de 30 anos. Sempre gostei do mundo fashion e de compreendê-lo como um todo, desde a concepção ao desfile, à coleção já nas ruas, passando pela produção. Essa transição que eu to tendo de moda sustentável é interessante. É difícil compreender tudo no mundo da moda. Eu estou nessa transição, evitando o caminho do fast fashion, e quero que a minha produção de moda seja em um futuro próximo 100% eco-friendly, sustentável. Eu ainda estou buscando compreender todas as vertentes e um modelo de negócios que permitem que se consiga uma moda 100% amiga do meio ambiente”.

Para ele, existe uma contradição que precisa ser resolvida para alcançar o equilíbrio: “vejo muitos outros profissionais da moda falarem sobre sustentabilidade, mas o problema é que essa industria, principalmente com o fast fashion, se tornou predatória, tanto em recursos humanos como naturais. É muito estranho trabalhar com moda, ser a favor da sustentabilidade, e no final sustentar um sistema que você não sabe bem como funciona. Desde então eu busco encontrar esse equilíbrio, não apenas com minhas criações mas contribuindo com uma influencia positiva através da moda e das minhas atitudes para a sociedade em geral. É o que eu busco, ir na contramão do fast fashion, do consumismo desenfreado e das relações predatórias com a natureza”.

Continue Lendo

Fashion

Conheça a Joie, empresa que propõe mudar a sua vida através da imagem e do visagismo

Publicado

em

Reprodução / MF Press Global

A construção de uma boa imagem pessoal é muito importante não apenas no contexto profissional, mas pessoal. Ela passa por transmitir confiança ao interlocutor, seja um cliente ou não, sendo tanto mais importante, quanto maior for o contato directo com clientes, por exemplo em atividades de atendimento ao público. No entanto além de hábitos, condutas e posturas, a imagem também é construída pelo que se vê e como se apresenta diante dos demais. E é ai que entra a consultoria de imagem.

No entanto, apesar de ser muito requisitada nos EUA e na Europa e estar em franco desenvolvimento no Brasil, a consultoria de imagem ainda é um serviço desconhecido para a maioria das pessoas, que não percebem a importância de cuidar da própria imagem, ou o encaram este investimento como algo fútil e supérfluo. Alinhada às tendências internacionais e de olho nesta fatia do mercado a ser explorada no Brasil, a designer de moda e influenciadora digital Jhanne Pires fundou a Joie (do francês, alegria) que é uma empresa especializada em consultoria de imagem e visagismo,  que se propõe a mudar a vida de pessoas e outras empresas através da imagem e de trazer personalidade ao que se veste. Mas será realmente possível mudar a vida de alguém através da melhoria da imagem pessoal e do visagismo?

Designer de moda e influenciadora digital Jhanne Pires. (MF Press Global)

O que é o visagismo?

O visagismo é a arte de identificar o que uma pessoa, ou um cliente, deseja expressar através de sua imagem, ou seja, transformar uma intenção em uma imagem. É a habilidade de extrair do cliente essa intenção e conseguir colocar isso no visual com diversos recursos, dentre eles o que se veste.

O visagismo busca criar uma identidade visual própria, que se adeque a cada pessoa e ao estilo dominante de cada um, sem copiar outras referências, e assim proporciona criar looks exclusivos, únicos e especiais.

Pioneirismo

A Joie foi pioneira em trazer esse tipo de serviço exclusivo de consultoria de imagem e o visagismo, tanto na região centro-oeste como em nível nacional. Hoje a empresa é dotada de experiência e reconhecimento nacional, e tem se destacado no mercado, buscando valorizar a personalidade de cada um através da imagem.

A empresa oferece desde cursos online até consultoria completa para empresas, artistas e personalidades: “a ideia é refletir a cultura da empresa e o comportamento do indivíduo, através das roupas e do dress code que vai representar o estilo. Nosso trabalho é aplicar a consultoria de imagem usando todos os fatores ergonômicos corretos”, revela Jhanne Pires.

Designer de moda e influenciadora digital Jhanne Pires. (MF Press Global)

Depoimentos

Algumas clientes da Joie expressaram seus depoimentos como forma de ilustrar como o visagismo e a consultoria de imagem foram capazes de ressignificar todo o seu cotidiano, trazendo auto-confiança, equilíbrio e bem estar não apenas para os seus looks, mas para as suas vidas:

“Eu trabalho com atividades na área jurídica. Vestia-me com peças inadequadas para a minha profissão, pois eram peças que não condiziam com o cargo que eu exerço. Depois da Consultoria de Imagem da Joie, passei a me vestir com peças que eu já tinha no guarda-roupa, mas não conseguia usar por falta de conhecimento e segurança. Hoje sou uma mulher segura e sei o que vestir. Investir em consultoria de imagem me ajudou não somente na área profissional, mas na pessoal. Agora  tenho ânimo para sair com as minhas amigas, porque sei que o que eu estou vestindo, está de acordo com a minha personalidade e com a imagem que quero passar. Só depois desta revolução, eu conheci a mulher que eu sou, em todos os momentos”, conta Valeria Fonseca.

“Eu nunca me preocupei com a minha imagem. Tenho duas profissões totalmente diferentes, e muita das vezes eu me via em situações complicadas em minhas distintas profissões, mas não percebia que era por conta da minha imagem. Percebi, através de pessoas ao meu redor, que a minha imagem não estava legal para a minha profissão. E eu não percebia, mas estava perdendo oportunidades por isso. Depois que passei pela adequação de Imagem Pessoal, percebi a quantidade de coisas que descobri sobre mim! Sou uma pessoa alegre, que gosta de aventuras, e conhecer melhor quem eu sou, me tornou mais leve. Sou feliz pela pessoa que vejo hoje no espelho”, revela Lílian Castros.

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Publicidade

Eventos

Próximos eventos

  1. Vale Music Fest 2019

    setembro 13 @ 20:00 - setembro 21 @ 23:30
  2. DJAVAN VESÚVIO EM SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP)

    outubro 11 @ 21:00 - 23:30
Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas