Conecte-se com

Esportes

Stock Car: Suzuki e Sperafico encerram primeiro dia em Londrina no Top-15

Publicado

em

registra o nono melhor tempo dos treinos livres e o companheiro termina em 15º. Neste sábado, será definido o grid da antepenúltima etapa de 2018

Com tempo abafado, mas até o meio da tarde sem a forte chuva que causou muitos estragos na região de Londrina (PR) nos últimos dias, foram realizados nesta sexta-feira (dia 19) dois treinos livres para a décima etapa da temporada 2018 da no autódromo Ayrton Senna.

Na equipe Bardahl Hot Car Competições, Rafael Suzuki e Ricardo Sperafico deixaram a pista satisfeitos e focados para a continuidade do trabalho neste sábado (20), quando acontecerão mais um treino livre e o classificatório (a partir das 13 horas ao vivo no SporTV).

Suzuki registrou a nona melhor marca do dia (1min11s491) e Sperafico terminou em 15º (1min11s739). O mais veloz no traçado de 3.055 metros foi o vice-líder do campeonato Felipe Fraga, que virou em 1min10s913. O líder Daniel Serra ficou em sexto (1min11s310).

Décimo quinto colocado na temporada e com um pódio, Suzuki segue motivado para lutar para estar entre os melhores no grid neste sábado. Na quarta etapa, também realizada em Londrina no primeiro semestre, o piloto passou para o Q2, mas agora espera melhorar ainda mais.

“Adquirimos bastante informação. No primeiro treino, nos preparamos para a e, no segundo, focamos a classificação e foi um dia produtivo. Precisamos melhorar um pouco para estar entre os 10 primeiros no grid, mas foi bom porque conseguimos cumprir todo programa prevista para o dia”, destacou o paulista do Stock #8.

“Agora é analisar tudo e temos mais um treino antes da tomada. Se conseguirmos evoluir alguns detalhes, que a gente precisa, é uma boa chance de estar largando no Top-10 amanhã. Teve uma evolução da outra corrida pra cá. Já sabemos onde precisamos melhorar e isso é importante”, finalizou Suzuki, que além do pódio, tem quatro Top-10 e cinco Top-15 este ano.

Correndo em seu estado natal, Sperafico também espera por um bom desempenho no classificatório com o Stock Car #20 da equipe de Amadeu Rodrigues. “Ainda estou pegando o ritmo, mas do primeiro para o segundo treino tivemos uma evolução”, lembrou o piloto, que voltou para a categoria na etapa passada em Mogi Guaçu (SP).

“A pista está um pouco difícil para encontrar um caminho para o carro, mas fiquei contente por estar entre os 15 melhores, independentemente de quem usou ou não pneus novos. Na minha volta com os pneus novos, teve uma bandeira vermelha, também tive um problema de câmbio, então não consegui aproveitar o melhor do pneu. Mas foi um dia produtivo, conheci um pouco mais sobre o carro, peguei mais velocidade e ritmo e vamos ver como será amanhã”, finalizou o paranaense.

No domingo (21), as corridas da Stock Car terão suas largadas ao meio-dia e às 13h05.

Os melhores tempos desta sexta-feira em Londrina:
1. 88 Felipe Fraga (Cimed Chevrolet Racing) – 1min10s913
2. 83 Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) – 1min10s935
3. 44 Bruno Baptista (Hero Motorsport) – 1min11s171
4. 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport) – 1min11s208
5. 80 Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing Team) – 1min11s273
6. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC) – 1min11s310
7. 0 Cacá Bueno (Cimed Chevrolet Racing) – 1min11s337
8. 70 Diego Nunes (Full Time Bassani) – 1min11s458
9. 8 Rafael Suzuki (Bardahl Hot Car) – 1min11s491
10. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) – 1min11s496
11. 28 Galid Osman (Cavaleiro Sports) – 1min11s536
12. 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – 1min11s542
13. 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Contuflex) – 1min11s629
14. 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – 1min11s717
15. 20 Ricardo Sperafico (Bardahl Hot Car) – 1min11s739
16. 77 Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) – 1min11s765
17. 10 Ricardo Zonta (Shell V-Power) – 1min11s813
18. 65 Max Wilson (Eurofarma RC) – 1min11s841
19. 344 Esteban Guerrieri (Hero Motorsport) – 1min11s846
20. 51 Átila Abreu (Shell V-Power) – 1min11s869
21. 12 Lucas Foresti (Cimed Chevrolet Racing Team) – 1min11s895
22. 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing) – 1min11s908
23. 3 Bia Figueiredo (Ipiranga Racing) – 1min11s908
24. 5 Denis Navarro (Cavaleiro Sports) – 1min11s930
25. 1 Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing) – 1min11s945
26. 9 Guga Lima (Vogel Motorsport) – 1min11s988
27. 90 Ricardo Maurício (Full Time Sports) – 1min12s031
28. 24 Kelvin Van Der Linde (Blau Motorsport) – 1min12s772
29. 33 Nelsinho Piquet (Full Time Bassani) – sem tempo

Confira a programação para a etapa de Londrina:

Sábado, 20 de outubro
09h40 – 10h15: 3º Treino Livre (Stock Car – Grupo 1)
10h25 – 11h00: 3º Treino Livre (Stock Car – Grupo 2)
13h00 – 14h00: Classificação Stock Car

Domingo, 21 de outubro
10h00 – 11h00: Visitação aos Boxes
12h00: Largada Stock Car – Corrida 1
13h05: Largada Stock Car – Corrida 2

Classificação do campeonato até o momento (Top-10):
1º Daniel Serra – 234 pontos
2º Felipe Fraga – 217
3º Cacá Bueno – 163
4º Rubens Barrichello – 161
5º Marcos Gomes – 160
6º Max Wilson – 159
7º Julio Campos – 157
8º Átila Abreu – 141
9º Ricardo Zonta – 122
10º Lucas di Grassi – 115
15º Rafael Suzuki – 52

Informações sobre a equipe Hot Car e patrocinadores, acesse:
www.hotcarcompeticoes.com.br
www.facebook.com/hotcarcompeticoes
www.twitter.com/hot_car
instagram.com/hotcarcompeticoes

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Em comemoração ao dia do paraquedismo 27 pessoas saltam de ponte para quebrar recorde

Publicado

em

Por

Hoje (22), é o dia mundial do paraquedismo, a data é uma homenagem a Andrews Jacques Garverin, que em 1797 saltou de um balão e foi imortalizado como o primeiro ser humano a pular de paraquedas.

Em comemoração a essa data o paraquedista brasileiro Vagner Jorge, foi à Rússia e participou da quebra de um novo recorde mundial, em Sóchi. Com um grupo de 27 pessoas de diversas nacionalidades (Rússia, Estados Unidos, Brasil, Turquia, França, Inglaterra e Bielorrússia) Vagner, saltou de uma ponte fixa com 207 metros de altura.

Inicialmente seria um grupo com 28 pessoas, mas um russo teve problemas e o paraquedas abriu antes do salto. O local onde aconteceu o evento se chama SkyPark, é um grande ponto turístico da cidade de Sochi, que além da ponte onde foi quebrado o recorde mundial, tem uma tirolesa com 233 metros.

Um vídeo mostra o exato momento em que o grupo com 27 paraquedistas, batem o recorde pulando da ponte.

 

Sobre Vagner Jorge

Vagner passou por diversas modalidades esportivas, como supermoto, onde foi campeão brasileiro, muay thay e handebol. Mas o amor pelo paraquedismo foi maior e avassalador, fazendo que ele buscasse todos os caminhos para se profissionalizar dentro da área, sem imaginar o sucesso que faria nela.

Em 2015, iniciou seus trabalhos na Austrália como dobrador de paraquedas, entre um trabalho e outro, fazia saltos esporádicos, até atingir a quantidade necessária para se tornar instrutor de voo.

De lá para cá, foram feitos milhares de saltos em lugares remotos, montanhas, antenas e prédios ao redor do mundo. Atualmente, Vagner trabalha como instrutor em Boituva, interior de São Paulo. Lá faz um trabalho muito especial incentivando o esporte para todas as pessoas, não importando idade, classe social ou limitações físicas.

Nesta primeira quinzena de outubro, ele esteve em Moscou na Rússia, onde treinou num túnel de vento, que chega a atingir cerca de 450km/h, para aprimorar ainda mais seu voo.

Instagram: https://www.instagram.com/vagnerjorge

 

Foto Divulgação/Felipe Marchesi

Continue Lendo

Esportes

Vagner Jorge é Referência no Paraquedismo

Publicado

em

Por

A grande maioria das pessoas, desconhecem que o paraquedismo é um esporte e uma profissão. Focam apenas em achar que os profissionais que praticam essa modalidade, são só pessoas corajosas ou insanas.

O paraquedista, Vagner Jorge, tem ganhado bastante destaque na área com um trabalho motivacional, que leva as pessoas a confiarem mais em si, através da vivência de novas experiências, em momentos de aventura e superação.

Eu acredito que o paraquedismo é um esporte para todas as idades, uma prova disso foi uma senhora de 86 anos, surda que saltou comigo. Isso me marcou muito, pois pude ver que nunca é tarde para fazer o que se têm vontade, e se você tiver perseverança nenhuma limitação vai te impedir. Vagner Jorge

Vagner passou por diversas modalidades esportivas, como supermoto, onde foi campeão brasileiro, muay thay e handebol. Mas o amor pelo paraquedismo foi maior e avassalador, fazendo que ele buscasse todos os caminhos para se profissionalizar dentro da área, sem imaginar o sucesso que faria nela.

Em 2015, iniciou seus trabalhos na Austrália como dobrador de paraquedas, entre um trabalho e outro,  fazia  saltos esporádicos, até atingir a quantidade necessária para se tornar instrutor de voo.

De lá para cá, foram feitos milhares de saltos em lugares remotos, montanhas, antenas e prédios ao redor do mundo. Atualmente, Vagner trabalha como instrutor em Boituva, interior de São Paulo. Lá faz um trabalho muito especial incentivando o esporte para todas as pessoas, não importando idade, classe social ou limitações físicas.

Nesta primeira quinzena de outubro, ele está em Moscou na Rússia, onde treina num túnel de vento, que chega a atingir cerca de 450km/h, a fim de aprimorar seu voo. Nos próximos dias, Vagner se dirige para Sóchi, onde tentará quebrar um recorde, junto a um grupo de 27 amigos. Eles querem ser o maior número de pessoas a saltarem de uma ponte ao mesmo tempo. O recorde atual é de 26 pessoas.

Sobre o Paraquedismo

A prática do paraquedismo é muito antiga, os primeiros registros que se tem, são de 1306 D.C., onde acrobatas chineses saltavam de muralhas com um dispositivo que amortecia a chegada ao solo.

No Brasil o esporte se tornou conhecido com Charles Astor, que lecionou um curso em 1931, no Aeroclube de São Paulo, e até hoje é reverenciado como um dos maiores incentivadores da prática em solo brasileiro.

Siga Vagner no Instagram:

https://www.instagram.com/vagnerjorge

Continue Lendo

Esportes

Diretoria do La Coruña convida o advogado Dr. Jorge Sanchez para conhecer as instalações do clube espanhol

Publicado

em

Por

Dr. Jorge Sanchez, sócio-fundador do escritório Sanchez e Sanchez Sociedade de Advogados, esteve no estádio Riazor, do La Coruña , na Espanha, a convite da diretoria do clube de futebol espanhol por meio do ex-jogador Mauro Silva, que foi campeão do mundo com a seleção brasileira na Copa do Mundo de 1994 nos EUA, e foi recebido por Francisco Paco Zás, presidente da equipe espanhola.

Durante a visita as instalações do clube, o advogado que atua na área empresarial, atendendo as principais instituições financeiras do Brasil, assistiu ao jogo La Coruña  x Almería ao lado do ex-jogador, o também brasileiro Donato, que atuou na equipe por mais de 10 anos e acabou se naturalizando espanhol, defendendo a seleção da Espanha.

Tanto Mauro Silva como Donato são reverenciados no clube espanhol até hoje, além de outros brasileiros que brilharam no Deportivo como Bebeto, Djalminha, Luizão, Rivaldo, entre outros.

“Quero agradecer a receptividade e o convite e dizer que na Espanha, já tenho um clube de coração: o La Coruña“, revela Dr. Jorge Sanchez.

Continue Lendo
Publicidade

Facebook

Eventos

Publicidade

Destaque

Pular para a barra de ferramentas